Curso de programação para crianças: entenda o que é

criança programando

Com o avanço das tecnologias e o desenvolvimento contínuo de aplicações modernas, como a internet das coisas e as inteligências artificiais, o aprendizado de programação tem sido cada vez mais valorizado nos últimos anos, e se antes esse era um assunto específico para jovens adultos, hoje é possível encontrar um curso de programação voltado para crianças.

Antes de começar a explicar o que é um curso de programação para crianças, podemos fazer um recorte do que se trata a programação nos tempos atuais, que é a habilidade de pensar as tecnologias da computação do ponto de vista de alguém que pode desenvolvê-la, e não apenas de um usuário comum.

É através da programação que os softwares, jogos, websites, robôs e outras tecnologias que usamos, consegue interagir conosco. Sem esse estudo, toda a informática não existiria e os computadores, Smartfones e outros aparelhos eletrônicos que utilizamos com facilidade hoje em dia se resumiriam aos componentes físicos e uma tela binária.

Curso de programação para crianças: tela binária, zeros e uns
Exemplo de como seria uma tela de computador binária

Curso de Programação X curso de Informática

Já é comum no imaginário de muitos pais o pensamento de que é importante matricular seus filhos em um curso de informática, para que eles saibam lidar bem com as tecnologias e se encaixem futuramente no mercado de trabalho.

Na grade de um curso de informática básico, geralmente estão inseridos assuntos como digitação, temas relacionados ao uso avançado de um sistema operacional específico (que normalmente é o Windows), a utilização da internet, de emails e de programas de escritório, como o Word e o Excel.

Aprender a utilizar as ferramentas que os cursos de informática abordam é realmente importante, porém saber lidar com as tecnologias da informação vai muito além da utilização dessas ferramentas prontas, até porque elas vão sempre se atualizando e no fim aprendê-las esta muito mais ligado com o quando você realmente precisa delas no dia a dia do que com o seu nível de conhecimento em informática. Um exemplo disso é que alguém pode ser muito bom usando o Excel, por exemplo, mas pode não saber formatar um computador.

Os cursos de programação para crianças entram justamente como um diferencial desse conteúdo de um curso de informática comum, ele aborda as tecnologias do ponto de vista do criador. Ou seja, ao invés de se tornar apenas um reprodutor das aplicações existentes no mundo da informática, o aluno do curso de programação aprende a desenvolver essas ferramentas, trabalhando habilidades como o raciocínio lógico, matemático, a criatividade e capacidade de resolver problemas.

Na grade de um curso de programação há assuntos como lógica de programação, que transmite aos alunos as noções gerais relacionadas a resolução de problemas e construção de algoritmos lógicos, concentração e raciocínio lógico e incentiva o pensamento criativo e empreendedor acerca das tecnologias que ele utiliza.

Assim, o curso de programação possui um conteúdo muito mais profundo, voltado para a raiz da utilização dos eletrônicos, que é a sua criação. Esse curso tem como meta fazer com que o indivíduo não seja apenas um usuário comum da tecnologia e sim alguém que consegue pensá-la e desenvolvê-la, adquirindo um senso crítico e uma participação ativa e protagonista na evolução tecnológica que o nosso mundo está vivenciando.

Programação para o público infantil

Bom, agora que você já sabe a diferença entre um curso de programação e de informática, podemos falar sobre a importância de permitir que as crianças tenham acesso a esses conhecimentos o quanto antes. Como já foi dito, a programação ajuda o indivíduo a desenvolver habilidades cognitivas muito importantes, como a criatividade e o pensamento lógico, o que auxilia as crianças a se desempenharem muito melhor na escola.

Para além disso, as tecnologias são vistas costumeiramente como vilões na vida das crianças justamente por serem utilizadas apenas para fins de entretenimento, muitas vezes por longas horas e causando um afastamento social da criança.

Com a programação, as crianças podem ressignificar o uso desses aparelhos desde cedo, aprendendo a conciliar diversão e aprendizado e também com o trabalho em grupo, afinal, se tem uma coisa que os programadores entendem, é a importância da colaboração, não é atoa que redes sociais para programadores, como o Github, existem.

Pensando em tudo isso, cursos de programação como o que nós oferecemos aqui na I do Code, são desenvolvidos e planejados por educadores que entendem o quanto é importante que as crianças aprendam programação, mas que possam aprender de maneira confortavel e compatível com a idade em que possuem.

Muito além do simples ensino, é importante integrar esse conhecimento com a vida das crianças, incentivando-as a investir o tempo em seu próprio aprendizado e também estimulando o autodidatismo.

Assim, um curso dividido em módulos, que vão desde o básico da lógica de programação, até a robótica e o empreendedorismo oferece caminhos e assistência a esse aluno, que poderá desenvolver-se o suficiente para ser uma pessoa ativa no pensamento tecnológico do futuro, tornando-se um jovem empreendedor e profissional que não apenas reproduz o que já existe, mas que pensa e desenvolve inovações.

Quer oferecer ao seu filho a oportunidade de adentrar no mundo da programação através de um curso de qualidade? Agende já uma aula experimental conosco!

Siga nosso Instagram e mantenha-se atualizado sobre o mundo da programação e da educação tecnológica.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: