Evolução dos celulares: novas tecnologias

Os celulares, desde a sua chegada, revolucionaram a forma como nos comunicamos com outras pessoas. Desde então, de praticamente qualquer lugar do mundo, você pode se comunicar com qualquer pessoa de qualquer outro lugar do mundo. A evolução dos celulares, com a chegada dos smartphones e da Internet móvel, isso se intensificou, acompanhando a evolução da tecnologia. Agora não só você pode se comunicar com qualquer um por voz, como também pela Internet, por email e chats. Além, claro, de ter na palma da mão acesso a praticamente todo o conhecimento da humanidade e a vários aplicativos que são cada vez mais úteis.

Mas, você sabe como chegamos até esse ponto? Conhece a história da evolução dos celulares?

O primeiro celular

DynaTAC 8000X

O primeiro celular foi esse simpático tijolinho chamado DynaTAC 8000X. Criado pela Motorola em 1983, ele custava 4 mil dólares em seu lançamento e rapidamente e se tornou um símbolo de status, mesmo sendo consideravelmente pesado.

Evolução dos celulares: Compactação

Siemens S10

Nos anos seguintes ao primeiro celular, a tecnologia foi se aprimorando rapidamente, permitindo que em 1992 surgissem os primeiros celulares produzidos em massa e destinados ao público consumidor.

Eram bem menores, mais leves e baratos, mas ainda mantendo o basicamente o mesmo estilo, especialmente do teclado, mas com a adição de um visor digital em preto e branco.

Em 1997 apareceram os primeiros celulares com visor colorido. O pioneiro foi o Siemens S10, que apresentava quatro cores. Nessa época também começou a moda de personalizar o celular: a Ericsson criou um celular que permitia trocar as teclas do teclado, e a Nokia lançou um que permitia mudar as cores dos celular.

Evolução dos celulares: Novas funções

Sony Ericsson T68i

A partir de 1999, o intuito de ter um celular começou a mudar. A miniaturização das tecnologias não só permitiu que o celular ficasse cada vez menor, como permitiu que várias outras tecnologias também ficassem consideravelmente menores.

Com isso, algumas dessas tecnologias começaram a ser adicionadas em celulares também, sendo integradas ao seu sistema operacional e acessíveis pelo seu teclado, como se fosse apenas mais uma mera função do celular.

Entre as funções adicionadas nessa época, estão: acesso à Internet, vídeo-chamada, localização GPS, corretor ortográfico, câmera, ringtones, tocador de MP3, BlueTooth, cartão de memória externo e MMS (o sucessor do SMS). 

Os primeiros smartphones

Blackberry Pearl 8100

O aumento do número de funções no celular e suas novas utilidades o transformaram em um dispositivo de uso geral, ao invés de somente um dispositivo móvel para realização de chamadas telefônicas. A partir de 2003, a mudança do foco de uso também ocasionou na mudança do foco do design.

Os novos smartphones (celulares inteligentes) apresentavam tela maior e colorida e teclados maiores, às vezes até com o teclado QWERTY completo. O objetivo era facilitar o uso de formas alternativas de comunicação, como SMS, MMS e Internet, além, claro, de outras utilidades, como tirar fotos e jogar jogos feitos especialmente para ele.

Nessa época começou a adoção do 3G, além da implementação de Wi-Fi, criação dos primeiros celulares à prova d’água, a navegação na Internet foi implementada plenamente (graças ao Opera Mini) e começaram as primeiras implementações de realidade aumentada.

Touchscreen

iPhone da primeira geração

Em maio de 2007, o celular sofreu uma revolução com o lançamento do primeiro iPhone. O iPhone não foi o primeiro celular a ter uma tela sensível ao toque (touchscreen), mas foi o responsável por popularizá-la e torná-la um padrão do celular moderno.

Com o iPhone, também vieram os famosos apps, isto é, os aplicativos de celular, e as lojas de aplicativos, com a Apple App Store.

Avanços recentes

Samsung Galaxy S5

O touchscreen rapidamente conquistou o público e várias empresas buscaram concorrer com ele. A Google criou o Android, e esse sistema se tornou praticamente um padrão entre os smartphones que visavam concorrer com o iPhone.

Essa concorrência levou à adição de várias novas funções como controle de voz, câmera de duas lentes, identificação facial, escaneamento de impressão digital, telas de alta definição (HD) e até monitoramento de batimentos cardíacos.

A partir de 2015 houve uma mudança interessante: até essa época, a tendência era tornar os celulares cada vez menores, para serem cada vez mais portáteis. Porém, com o uso do touchscreen e sua transformação em dispositivo de uso geral, a tendência passou a ser aumentá-lo de tamanho, permitindo maiores resoluções e possibilidades de uso. Atualmente podemos usar o celular até para fazer pagamentos!

O celular avançou rapidamente e conquistou o mundo com sua simplicidade e versatilidade. E a tendência é que as inovações continuem a surgir. E então, que será que vem pela frente?

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: