Criação de jogos: Aprendizado aliado à diversão

tecnologia pra crianças
Padrão

Como ajudar seus filhos a lidar de forma saudável com os jogos eletrônicos é algo que preocupa muitos pais. Para ajudar com esse dilema, há uma perspectiva educativa desses jogos que ainda não vem sendo considerada nessa discussão: a criação de jogos.

Se pensarmos apenas nos jogos tradicionais — como as brincadeiras de roda e outras atividades lúdicas — veremos que o ensino sempre explorou os benefícios pedagógicos desse tipo de criação. Afinal, há inúmeras vantagens por trás desse tipo de diversão.

Além disso, à medida que o mundo se digitaliza, isto é, que todas as nossas atividades ficam cada vez mais ligadas a computadores, tablets e outros dispositivos móveis, a criação de jogos e o ensino também migram para o ambiente digital.

No texto de hoje, vamos te dar alguns bons motivos para estimular as crianças no aprendizado da criação de jogos digitais. Afinal, quem disse que os games não são grandes aliados da educação?

A criação de jogos dá à criança um papel ativo

Desde muito pequenos, recebemos muitos estímulos de entretenimento do mundo que nos cerca. O problema é que, na maior parte das vezes, esses estímulos  — como a televisão, o cinema e os computadores — nos convidam a ter uma atitude meramente passiva.

Ou seja, não somos muito encorajados a interagir criativamente com as coisas de que gostamos. Raramente chegam até nós notícias sobre como elas são feitas ou como funcionam, não somos convidados a participar ativamente e compreender a lógica que está por trás da nossa própria diversão.

A grande vantagem de nossos filhos terem a oportunidade de criar jogos digitais é essa: eles assumem um papel ativo e inteligente numa atividade.

E não é qualquer atividade: estamos falando de uma das coisas que as crianças mais amam no mundo de hoje. A partir do momento em que elas são incentivadas a participar criativamente de algo que, naturalmente já atrai a atenção delas, elas aprendem que podem ser ativas nas coisas que gostam.

As crianças entendem que tudo na vida exige planejamento

Os jogos digitais, se apreciados com moderação, são ótimos para relaxar e se divertir com os amigos. Para isso, basta sentar e jogar. A criação de jogos, por outro lado, como toda atitude criativa, demanda algo fundamental para o desenvolvimento cognitivo e emocional saudável das crianças: o planejamento.

Quanto mais cedo elas compreenderem que planejar uma atividade está diretamente ligado ao sucesso dessa atividade — e que quanto melhor for o planejamento, mais fácil e rápida será a execução — mais proveitoso para o seu futuro profissional e pessoal.

As crianças menores que são expostas a atividades como a criação de jogos tendem, inclusive, a ter um percurso menos difícil adolescência afora.

No fundo, é toda uma lição de vida que está por trás de uma atividade simples, já que lidar com as regras de forma saudável (e, nesse caso, criar regras para o nosso próprio trabalho) é muito importante para o desenvolvimento do intelecto e das emoções.

Elas percebem que diversão e trabalho podem existir juntos

Essa hora sempre chega: daqui a alguns anos, o seu filho vai ter que escolher uma profissão. Num momento como esse, o que mais pesa é conciliar o gosto pessoal por um tipo de trabalho com a necessidade de ganhar bem e viver com conforto.

Aqui, mais uma vez, há um aprendizado disponível para quem se dedica à criação de jogos digitais e tudo que ela requer, como o conhecimento básico de programação e toda a teoria e conceitos por trás: quem passou por isso já sabe que trabalhar duro para ver um sonho crescer pode ser  muito divertido.

Qual pai não quer que o seu filho lide de forma mais saudável com tecnologia, jogos digitais, amadureça, seja criativo e aprenda a planejar seus sonhos? E quem diria que algo despretensioso como os videogames poderia trazer tantos benefícios, hein?

Na I Do Code temos curso de educação tecnológica e programação, os alunos aprendem criando jogos, aplicativos, sites e programando robôs! Saiba mais sobre o curso.


Posts Relacionados

Deixe uma resposta