7 Tecnologias de filmes anos 80 que hoje são reais

Padrão

Quem não gosta de bons filmes de ficção científica que se passam no futuro? Ao longo da história do Cinema, muitas versões futuristas do nosso mundo já foram apresentadas, acertando e errando sobre muita coisa. Podemos nos arriscar a dizer, porém, que nenhuma época fez tantas promessas corretas como os anos 80.

Hoje vamos falar sobre alguns filmes famosos dessa década e como eles acertaram na previsão de algumas tecnologias que são reais nos dias de hoje. Acompanhe:

  1. De Volta Para o Futuro 2: videogames jogados sem as mãos

videogame

As aventuras de Marty McFly e do Doutor Brown no carro De Lorean, a máquina do tempo mais famosa do cinema, acertaram muita coisa que ainda estava por vir. Por isso, você ainda vai ver esse filme em vários itens desta lista.

Se pensarmos que o Xbox lançou o Kinect — primeiro dispositivo que permite jogar sem usar as mãos — em 2008, o filme De Volta Pro Futuro acertou em cheio na previsão, já que ele se passa em 2015. Outros fabricantes de videogames como Nintendo e Sony também abraçaram a novidade e hoje quase todo console tem a sua variação do Kinect.

  1. Os Jetsons: chamadas de vídeo

telemedicine-jetsons-sm

Tudo bem, tudo bem. Se você está entre os nerds mais atentos já deve ter estranhado o desenho animado Os Jetsons aparecer nesta lista, já que ele foi criado em 1962.

Mesmo assim, vamos incluí-lo aqui por dois motivos: houve um revival com novos episódios nos anos 80 nos EUA e, além disso, eles só fizeram sucesso no Brasil mesmo a partir de 1984.

Quem assistiu esse desenho se lembra de George Jetson se comunicando com o Sr. Spacely, seu chefe, através de um dispositivo bem grande com uma tela. Essa tecnologia fascinava as crianças da época, mas dificilmente faria o mesmo hoje, já que a chamada de vídeo já faz parte das nossas vidas.

O desenho Os Jetsons se passa em 2062. Pelo andar da carruagem, essa tecnologia pode muito bem estar ultrapassada quando chegarmos nesse ano, não é mesmo?

  1. Blade Runner: propagandas em enormes telões

538151fe3950fa27e35e5a1a40adbcb5772babe385720a637000a550d067070f

O clássico de ficção científica do diretor Ridley Scott acertou na mosca ao mostrar a propaganda nas cidades do futuro. Megalópoles como Tóquio ou Nova York estão cheias de telões publicitários, embora não tenham o clima decadente do futuro pós-apocalíptico de Blade Runner.

  1. De Volta Para o Futuro 2: óculos interativos

oculos

Aí está ele de novo. O filme dirigido por Robert Zemeckis e produzido por Steven Spielberg acertou mais uma vez. Há uma cena em que os filhos de Marty McFly se sentam à mesa usando uns óculos futuristas — uma versão bem maior e mais desajeitada do Google Glass — onde assistem televisão e interagem com amigos.

Para completar a lista de previsões corretas, os pais se irritam com eles, exigindo que não usem o aparato na mesa e conversem com a família. Deu pra se identificar?

  1. Mulher Nota 1000: impressão 3D

weird science

O que dizer desse clássico da Sessão da Tarde em que dois adolescentes criam a mulher perfeita e a trazem à vida de dentro dos computadores, com um método meio absurdo, mas que não deixa de lembrar um pouco a impressão 3D dos dias de hoje?

  1. Tron — Uma Odisseia Eletrônica: realidade virtual e antivírus

tron-600x400

Para os novatos do cinema, esse título vai ser fácil de lembrar, já que ele teve uma continuação bem recente. A base do enredo de Tron é a odisseia de Kevin Flynn (Jeff Bridges) que sofre um acidente e acaba indo parar dentro de um sistema de computador.

A imersão em um ambiente virtual foi o responsável pelo fascínio que o filme causou nos adolescentes da época e podemos dizer que o Tron previu a realidade virtual. Além disso, Flynn é perseguido por programas que fazem uma “patrulha” em busca de invasores. Quem não vai lembrar dos atuais antivírus, não é mesmo?

  1. De Volta Para o Futuro 2: TV de tela plana

tv-filmes

Nos anos 80, um aparelho de televisão era algo grande, desajeitado, com uma tela recurva e muito, muito pesado. Será que os fabricantes se inspiraram nas tevês de um dos filmes da nossa lista para criarem os aparelhos leves e finos que podem ser encontrados hoje?

O futuro no cinema pode muito bem ter ajudado no desenvolvimento de algumas das tecnologias que já estão à nossa disposição, concorda? Os filmes dos anos 80 acertaram bastante e erraram um bocado também, mas, acima de tudo, foram visionários!

E por falar em futuro, que tal você assinar o nosso newsletter e receber nossos próximos textos direto na sua caixa de e-mail?


Posts Relacionados

Deixe uma resposta