3 plataformas que tornarão seu filho um expert em criação de jogos

Plataformas para criação de jogos
Padrão

Atualmente, estão em alta os benefícios da tecnologia para a educação de crianças e jovens. Uma das maneiras mais comuns e eficientes de se usar a tecnologia a favor da educação é inserir a criação de jogos no processo de aprendizado dos jovens. Pois afinal, o que é melhor para prender a atenção dos pequenos do que jogos? Existem inúmeras plataformas para criação de jogos à disposição daquele que quer aprender, algumas das quais são online e gratuitas. Separamos 3 plataformas para criação de jogos usadas por nossos alunos para você conhecer!

Scratch

Scratch: Plataformas para criação de jogos

Scratch é uma plataforma para criação de jogos e animações criada pelo MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts).  A plataforma é online e totalmente gratuita, o que faz com que o Scratch seja usado em mais de 150 países. O número de usuários da plataforma supera 11,5 milhões de usuários ao redor do mundo, dos quais 30% são brasileiros.

Essa plataforma foi a escolha da I Do Code para o primeiro contato dos alunos com a programação. Dentre vários motivos, por estar disponível em mais de 40 línguas (inclusive o português brasileiro) e por usar um método de programação chamado programação em blocos, que é mais intuitivo do que a programação em texto.  O Scratch liberta a imaginação das crianças e adolescentes, que aprendem a criar jogos e animações 2D desde a primeira aula.

Além disso, o Scratch trabalha com um sistema de coordenadas cartesianas, que facilita o posicionamento dos elementos do projeto que está sendo criado. Além disso, familiariza os jovens com conceitos matemáticos que serão muito utilizados por eles tanto na escola, quanto em outras linguagens de programação.

Construct 2

Construct 2: Plataformas para criação de jogos

Diferente do Scratch, o Construct 2 não é uma plataforma online, e está disponível tanto na versão gratuita quanto na versão paga. Há pouquíssimas restrições da versão gratuita para a versão paga, de forma que nossos alunos utilizam a versão gratuita sem nenhum prejuízo ao aprendizado.

O Construct 2 permite que o usuário crie jogos 2D de maneira ainda mais completa que o Scratch: é possível adicionar mais eventos e comportamentos aos objetos do jogo em questão apenas arrastando o ícone do evento ou comportamento desejado até o objeto no qual ele será aplicado.

Assim como o Scratch, o Construct 2 trabalha com o sistema de coordenadas cartesianas para posicionamento de elementos. A plataforma ainda permite que os alunos adicionem efeitos visuais ao projeto, o que incentiva a criatividade e possibilita a criação de jogos mais complexos do que aqueles feitos usando o Scratch.

Por último, o Construct 2 permite exportação multiplataforma, ou seja, permite que os alunos publiquem seus jogos em diferentes plataformas. Além disso, a plataforma permite que os jogos criados gerem dinheiro para o criador, ou seja, permite que, no futuro, os jovens possam lucrar com a criação de jogos e com o conhecimento aprendido.

Unity

Unity: Plataformas para criação de jogos

A plataforma Unity é a mais complexa dentre as citadas aqui. Assim como o Construct 2, o Unity está disponível na versão gratuita e também na versão paga , mas não é uma plataforma online.

O que diferencia o Unity das outras duas plataformas é que  é uma plataforma de criação de jogos profissionais: há muito mais recursos tanto de estilização quanto de movimentação, o que permite que os alunos produzam jogos muito mais completos. Outra característica importante do Unity que não aparece nas outras duas plataformas aqui citadas é a possibilidade de criação de jogos 3D.

Para que tudo isso seja possível, o Unity utiliza JavaScript como uma de suas principais linguagens de programação o que, em conjunto com a interface da plataforma, dá ao aluno grande controle sobre o que está aprendendo. Assim como o Construct 2, o Unity permite que os jogos criados sejam publicados em diferentes plataformas e também permite que os alunos ganhem dinheiro, futuramente, com suas criações.

Já está pronto para indicar essas plataformas para criação de jogos para seu filho? Saiba como o Minecraft ajuda no desenvolvimento das crianças.

Por Ana Carolina Altomani


Posts Relacionados

Deixe uma resposta