8 Qualidades para formar o profissional do futuro

Padrão

Os especialistas podem ter opiniões diferentes sobre muitas coisas, mas se tem algo com o qual todos concordam é que o mercado de trabalho está mudando muito. E parece que vimos apenas o começo dessas mudanças, a ponto de muitos falarem do “profissional do futuro”.

E, para que você saiba como já ir se preparando para esse novo mercado, preparamos estas 8 dicas. Confira:

  1. O profissional do futuro deve respeitar o meio ambiente

Dentre todas os desafios que surgiram nos últimos anos, a sustentabilidade é o mais importante. Você sabe o que é isso?

Empresas, profissionais e estudiosos já têm certeza de uma coisa: se o desenvolvimento continuar como está, o planeta Terra não vai resistir. Por isso, várias medidas já têm sido tomadas: novas leis mais exigentes que obrigam a reciclar, reutilizar e economizar para não destruir a natureza. Você sabia que a I Do Code tem a missão de não utilizar papel na escola?

Toda grande empresa já tem um funcionário ou uma equipe inteira responsável por fazer cumprir essas leis e os novos profissionais terão que lidar com isso todos os dias. O profissional do futuro terá um compromisso com o nosso planeta!

2. Todos deverão saber um pouco de programação

O profissional que entender o básico de programação será muito valorizado no mercado de trabalho. Os computadores e a internet já fazem parte da nossa vida de uma maneira tão inevitável que começa a se tornar obrigatório ter um entendimento mais aprofundado sobre como eles funcionam.

E é sempre bom lembrar que a programação envolve aspectos lógicos e linguísticos que, se estimulados corretamente num adolescente, serão um grande diferencial intelectual no mercado de trabalho!

3. Ele deverá entender de computação na nuvem

A computação em nuvem (ou cloud computing, em inglês) tem esse nome porque os arquivos ficam armazenados em servidores remotos — como uma “nuvem” — e não no computador do usuário.

Você já deve conhecer esse conceito: usa Google Drive, DropBox ou algum outro serviço parecido? Hoje, ainda armazenamos apenas arquivos na nuvem, mas, no futuro, praticamente tudo do seu computador poderá ser rodado longe da sua máquina, como programas e jogos.

4. Estar preparado para a mobilidade corporativa

Agora pense nesse futuro próximo, em que tudo estará armazenado na nuvem: concorda que uma empresa terá muito menos necessidade de espaço físico para funcionar?

Os colaboradores poderão acessar todos os dados e arquivos em qualquer lugar, o que permitirá que eles trabalhem de casa ou de qualquer lugar! Imagine morar no Japão e ser funcionário de uma empresa no Brasil, por exemplo.

Mas esse tipo de trabalho, assim meio “solto”, vai precisar de pessoas com capacidade de organizar o seu próprio tempo e ser proativo, já que os chefes não vão estar por perto o tempo todo.

5. Ser craque nos dispositivos móveis

Aí você pensa: “essa tá fácil, né? Qual criança ou adolescente não sabe fazer tudo no celular hoje em dia?”

Não é bem assim: de todas as pessoas que você conhece que passam o dia inteiro no celular, quantas realmente usam tudo que esse dispositivo tem a oferecer?

A maior parte fica restrita a aplicativos de mensagens e redes sociais, não é verdade? Pois esse é o desafio a ser vencido pelo profissional do futuro: entender que o seu smartphone não é apenas para entretenimento, mas também uma poderosa ferramenta de trabalho!

6. Estar adaptado à Internet das Coisas

Imagine um elevador controlado por conexão com a internet. Ou um carro que faz a leitura do seu rosto num banco de dados antes de ligar o motor. Geladeiras, fechaduras, lâmpadas, tudo no futuro estará conectado à internet.

É isso que se chama de Internet das Coisas. E o profissional do futuro precisará estar muito adaptado a ela.

7. Ser empreendedor

Com tantas opções e novidades, uma coisa é fato: o mercado de trabalho, no futuro, será bem mais imprevisível. E isso faz com que todos tenham que ter um pouco de empreendedorismo. Boas ideias, capacidade de adaptação e visão serão muito importantes.

8. Ser proativo

Trabalhando em casa, com tantas facilidades e sem um chefe por perto… a dispersão fica muito fácil. Ter um bom controle do tempo, ser produtivo e proativo será fundamental nesse cenário.

Gostou de saber o que você vai precisar no seu futuro profissional? Que tal agora assinar a nossa newsletter e receber conteúdo interessante como este direto na sua caixa de e-mail?


Posts Relacionados

Deixe uma resposta