Empreendedorismo: por que está tão em alta?

Empreendedorismo
Padrão

Uma das palavras que tem ganhado destaque no cenário brasileiro (e até internacional) é o tal do “ empreendedorismo ”. Porém, embora tenha começado a integrar o vocabulário de muitas pessoas, poucas são aquelas que realmente sabem explicar o que ela significa e por que ela está tão em alta. Você tem essa consciência ou faz parte do grupo que usa essa palavra sem saber o seu verdadeiro significado?

Neste artigo, vamos explicar o que significa o termo “empreendedorismo” e explicar os dois motivos pelos quais ele está ganhando destaque nos últimos anos. Além disso, também vou indicar como essa tendência pode ajudar na educação de crianças e adolescentes – algo que a I Do Code entende muito bem – e mostrar como nós usamos esse conceito em nossas formações.

 

O que é empreendedorismo?

empreendedorismo

Afinal, o que é o empreendedorismo? Essa palavra origina-se do verbo empreender, que por sua vez significa resolver um problema ou situação complicada. Esse é um termo muito utilizado no meio empresarial e geralmente está associado a criação de novas empresas – às vezes chamadas de startups – e produtos. O empreendedorismo também pode fazer referência a um processo de implementação de novos negócios ou mudanças consideráveis em empresas já existentes.

Já o empreendedor é muito mais do que aquela pessoa que simplesmente começou a empreender. Muito se fala nas características de um indivíduo empreendedor, pois elas sempre estão associadas à criatividade, inovação e ideias disruptivas. Portanto, empreendedorismo é um movimento, uma tendência de pessoas que estão atentas aos problemas do mundo e constantemente pensando em problemas para resolvê-los. Também é uma das qualidades do profissional do futuro.

Se olharmos para trás, Steve Jobs pode ser considerado um ótimo exemplo de empreendedor. Com suas ideias criativas, ele inovou de forma irreversível o setor da tecnologia. No cenário atual, duas startups despontam como sinônimo de empreendedorismo: a Uber, com seu serviço de transporte por aplicativo, e o Airbnb, com sua plataforma de hospedagem compartilhada.

 

Por que o empreendedorismo está em alta?

empreendedorismo

Dois fatores ajudam a explicar por que o empreendedorismo está tão em alta: oportunidade e necessidade. É lógico que outras causas podem estar impulsionando pessoas a empreender, mas esses são os motivos básicos e mais fortes dentro da sociedade atual. E nós vamos entender cada um deles.

O empreendedor por oportunidade é aquele exímio observador. É aquela pessoa atenta às necessidades de uma sociedade, e que cria soluções para atender essa demanda. Como o mundo – e o Brasil, mais especificamente – é um lugar cheio de problemas latentes e que exigem uma correção, há muito espaço para a atuação desse tipo de empreendedor. Também é comum assumir que quem empreende por oportunidade geralmente é mais ousado e tem ideias mais disruptivas.

Já o empreendedor por necessidades é aquele que se viu forçado a recorrer ao empreendedorismo por algum motivo específico. Entre as causas mais comuns estão a perda do emprego, diminuição da renda familiar e dificuldade de se recolocar no mercado de trabalho. Portanto, estamos falando de uma pessoa que geralmente passa por dificuldades e vê na opção de abrir um negócio próprio a possibilidade de resolver os seus problemas.

Vale destacar que este último perfil geralmente está associado a pessoas com pouca experiência empresarial. Portanto, é normal que empreendedores por necessidade sintam mais dificuldade para prosperar e encontrar o seu próprio rumo. Porém, com muito estudo, dedicação e planejamento é perfeitamente possível alcançar o tão sonhado sucesso.

 

Por que usar o empreendedorismo na educação de crianças e adolescentes?

empreendedorismo

Se o empreendedorismo é algo tão bom e que gera resultados tão positivos para a sociedade, por que não o ensinar para as nossas crianças? Mas é exatamente isso que muitas formações – incluindo a nossa, da I Do Code – já estão fazendo! O empreendedorismo para crianças e adolescentes é uma forte tendência e que traz inúmeros benefícios tanto para os jovens que estão aprendendo, como para os seus pais e responsáveis.

A criatividade, responsabilidade e organização são apenas algumas características reforçadas ao empregarmos ensinamentos oriundos do empreendedorismo. Crianças que crescem e desenvolvem essas habilidades têm maior tendência de alcançar o sucesso profissional e de se sentirem mais realizadas com o seu trabalho – algo que só pode ser encarado como positivo.

Portanto, não faltam motivos para incluir ensinamentos do empreendedorismo na educação de crianças e adolescentes. Quem sabe você não tem o “próximo Steve Jobs” dentro de casa que está só esperando o empurrãozinho certo para começar a desenvolver as habilidades que vão mudar o mundo, não é mesmo?

 

Como a I Do Code ensina empreendedorismo?

empreendedorismo

Como uma escola de tecnologia diferente de tudo que você já viu, o empreendedorismo está no DNA da I Do Code. Nós tivemos a coragem de pegar a educação tradicional, aquela mesma usada há centenas de anos, e transformá-la em algo interessante e atraente para os nossos alunos, pais e responsáveis. E os nossos resultados confirmam que estamos no caminho certo!

Durante as nossas aulas, sempre incentivamos o pensamento criativo e a criação de soluções inovadoras. Tentamos transmitir um pouco dos ensinamentos empreendedores que nos serviram de motivação para os nossos alunos, que certamente terão um futuro mais promissor com esse aprendizado.

Portanto, se você se interessa por essa abordagem, agende uma aula experimental com a gente! Você terá a oportunidade de conhecer o nosso método e estará dando ao seu filho a chance de desenvolver algumas das habilidades empreendedoras essenciais para o sucesso profissional. Estamos esperando por você!

 


Posts Relacionados

Deixe uma resposta